Danete Caseiro Proteico e Mingau de Chocolate Light

Esta receita fitness, que batizei de “Danete Caseiro Proteico“, vai especialmente para aquelas meninas que, assim como eu, não conseguem viver sem doces! Saiba que você não precisa lutar contra isso eternamente… Basta comer guloseimas com moderação, ou então se jogar nas receitas de doces light!

Como essa é a primeira receita do site, a partir dela ditarei um formato para todas as demais receitas fitness que seguirão. O formato será o seguinte: sempre apontarei as vantagens e desvantagens do prato, para vender meu peixe te induzir (ou não) a não sair daqui sem ao menos testar!! Vamos lá?

receitas de doces ricos em proteina

Vantagens do Danete Proteico / Mingau

  • É rico em proteínas: Proteína é um nutriente essencial para todas as mulheres que praticam musculação e estão na luta por um corpo mais musculoso ou definido. Ah você já atingiu o corpo ideal e não quer mais crescer? Não interessa, tem que comer proteína igual! Não tem como escapar desta dita cuja.
  • É light: Se comparado a uma sobremesa qualquer, este creminho é bem light. À primeira vista pode não parecer, mas não se engane: quase metade das calorias desta belezura provem de proteínas! Ou seja, são calorias que não contam, pois são indispensáveis!
  • É low carb e low fat: Além de ser light (pouco calórico), esta guloseima tem baixo teor de carboidratos se comparado a um doce comum. Não é hiper low, mas pode ser encaixada em dietas mais restritivas, com carbos limitados.
  • É rico em fibras: Há três versões para esse doce, sendo que uma delas tem como ingrediente a aveia. Logo, caso opte por esta versão, você terá um docinho ótimo para intestino preguiçoso. E quando eu digo ótimo, eu estou querendo dizer isso com todas as letras… Acredite…
  • É versátil: Pode ser feita como um doce frio, tipo chandelle/danette, ou como um creminho quente, tipo mingau. Ou seja, dá para adequar a receita tanto para o inverno, quanto para o verão.
  • É rápido: Misturou, bateu, esquentou (ou não), está pronto. Não é preciso deixar gelar ou assar.
  • É de chocolate: Você já viu nutricionista sugerindo comer frutas para saciar a vontade de devorar doces? Funcionou pra você? Olha, pra mim isso não funciona de jeito nenhum… Fruta não é sobremesa, fruta é fruta! Sobremesa para mim tem que ter ou gosto de leite condensado ou gosto de chocolate. Meu estômago não consegue ser enganado pelas frutas, sorry.
  • Não vai ingredientes mirabolantes: As vezes vejo receitas maravilhosas, mas aí desanimo ao ver os ingredientes… É peanut butter, whey protein de banana, óleo de tronco de árvore do Zimbabue, dentre outros ingredientes difíceis de achar e/ou caros. Essa não, aliás, não vai nem whey!

Desvantagens do Danete Proteico / Mingau

  • O sucesso depende dos ingredientes: Um dos ingredientes usados é a ricota, e para que o doce dê certo ela tem que ser perfeita, ou seja, não deve ter gosto, muito menos ser azeda. Aí que está o problema, nem todas as ricotas são adequadas. Algumas são gordurosas e pouco proteicas, outras tem gosto forte, outras são azedinhas. Logo, para que a receita funcione, você deve tentar a sorte e ir em busca da ricota ideal em sua cidade!
  • Dura pouco tempo: Esta receita fitness deve ser mantida na geladeira e dura no máximo até o dia seguinte. Depois disso o creme começa a azedar e não fica legal.
  • É feito com adoçante: Eu não vejo isso com uma desvantagem, mas muitas não aprovam o gosto ou têm medo das histórias sensacionalistas que rodeiam os tais dos adoçantes (falarei sobre isso no futuro). Nesse caso, você pode usar açúcar, mas aí a receita não vai ficar tão light 🙁
  • É viciante (!): Tá, nem é, mas eu acabei viciando e faz mais de 2 anos que eu faço essa receita ao menos 3 vezes por semana! Talvez você enjoe, mas eu, formiga que sou, até agora não consegui enjoar por mais de uma semana.

Receita Passo a Passo

Como falei acima, essa receita fitness tem não uma, nem duas, mas sim trrrrrês versões. Portanto, mostrarei o modo de fazer da básica e em seguida comentarei sobre os detalhes que mudam nas outras versões.

Chega de suspense, vamos ao que interessa!

Como fazer danete caseiro proteico light

I – Danete Caseiro Proteico Light

O modelo básico e que agrada o maior número de pessoas é o estilo danette ou chandelle. Meu noivo, por exemplo, não gosta das outras versões, mas acha essa bem saborosa. Ela difere das outras pelo fato de que é servida fria, e se você acertar nas medidas e usar ingredientes top, fica bem parecido com danette!

Ingredientes:

  • 250 g de ricota: Prove uma lasquinha antes de fazer, pois ela não pode estar nada azeda! Mais para frente passarei a tabela nutricional das marcas de ricota que eu utilizo.
  • 30 a 35 g de chocolate em pó: Atenção – não vale achocolatado (Nescau e cia), pois tem muito açúcar e pouco cacau, ou seja, para dar gosto é necessário colocar muito mais que 30 gramas. Logo, fique com o chocolate em pó mesmo (o melhor de todos é o Melken!).
  • 10 a 15 g de adoçante: Os que eu indico são Tal & Qual ou Açúcar Light Magro. Como esses adoçantes em pó/grãos são mais calóricos e mais caros que os líquidos, eu costumo usar um pouco destes e um pouco de stevia.
  • 250 a 300 ml de leite desnatado: A quantidade varia dependendo da ricota, visto que algumas são mais molhadas que outras.

Modo de preparo:

Para preparar o danete caseiro proteico light é muito simples, bata colocar todos os ingredientes no liquidificador e bater até que o creme fique lisinho! A dica é ir acrescentando o leite aos poucos para não perder o ponto e deixar o creme líquido demais. Para ficar tipo danete caseiro, o creme deve ficar grossinho e consistente.

(obs: Contudo, um creminho mais leve e líquido, quase “bebível” também é uma boa opção)

Rendimento:

Como refeição, a receita do danete proteico rende 2 porções generosas (para comer até dizer chega).

Como sobremesa comedida, o rendimento é de 4 a 5 porções.

II – Mingau de Chocolate Proteico Simples

A segunda forma de preparar este delicioso alimento é acrescentando 20 gramas de amido de milho (Maizena) à receita. Nesse caso você pode adicionar um pouco mais de leite também, para que ele não fique tão pastoso e renda um pouco mais.

Após bater tudo no liquidificador normalmente, você deve despejar o creme em um potinho de vidro e levar ao microondas por cerca de 2 minutos. Está pronto um mingau perfeito para ser degustado sob as cobertas!

O rendimento é praticamente o mesmo. A diferença (e vantagem) desta versão é que ela sacia muito mais que a primeira. Então, para não sair com a barriga estufada da refeição, pode ser que você tenha que dividir em três ou mais porções.

III – Mingau Proteico com Adição de Fibras

É tudo igual à receita de cima, com uma única exceção: ao invés de usar amido de milho, você usará de 25 a 30 gramas de aveia. Este cereal, que é um queridinho das marombas, enriquecerá o prato e deixará você ainda mais saciada!

Tabela Nutricional do Danete Proteico (Calorias)

Agora vamos à parte mais importante do danete proteico caseiro: seu valor calórico e nutricional!

Primeiramente, devo deixar claro que os valores poderão variar conforme os ingredientes escolhidos. Como eu falei anteriormente, há ricotas de todos os tipos, então você deve ficar atenta e procurar uma light que seja sequinha, sem aquele aspecto gorduroso.

Calculei os valores de modo aproximado com base nos seguintes produtos:

  1. Ricota light Quinta do Vale: Se tiver aí na sua cidade, não hesite em comprar. É ótima, sequinha, bem firme e sem gosto.
  2. Chocolate em pó 50% Melken – Harald: Gosto sem igual, o sabor de chocolate se destaca. É melhor e mais barato que o Dois Frades.
  3. Tal & Qual Forno e Fogão: Sem comentários, uso há anos e recomendo!
  4. Leite Desnatado Bom Gosto: Tanto faz a marca, os valores nutricionais não mudam muito.

Receitas de doces proteicos danete caseiro

E o total referente a uma porção desta belezinha (rende duas) é…

calorias danete caseiro com whey protein

Para calcular o valor da receita inteira, basta multiplicar por 2. Eu só não fiz isso pois é provável que você não consiga comer tudo de uma só vez.

Caso adicione aveia, a porção ficará com 50 kcals a mais. Apesar disso, vale a pena, pois a saciedade será 10 vezes maior.

E para potencializar o teor proteico do danete caseiro, você pode adicionar uma colher de whey protein! Eu nunca testei, mas deve ficar bom. Só não troque a ricota pelo whey, porque aí você descaracterizará o doce e o resultado será totalmente diferente.

Espero que goste! E, caso tente em casa, não deixe de nos relatar o sucesso ou o fracasso da receita!

Mais artigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *